top of page
  • Foto do escritorK-Pop News

Relação Coreia X Tatuagem



A turbulenta relação da Coreia do Sul e as tatuagens se dá inicio na associação das mesmas à criminosos. No século XX as tatuagens no cenário asiático tinham uma ligação direta com membros de gangues como a famosa Yakuza, organização criminosa que opera no Japão há centenas de anos. Para os membros dessa gangue as tatuagens são uma "representação muito pessoal" de uma cena da vida de quem as possui, os membros da Yakuza costumavam se reunir em casas de banho comunais, principalmente porque a falta de roupas permitia a membros de gangues rivais saber com quem estavam lidando a partir da arte em seu corpo, portanto, durante esse tempo se foi criando a relação de que pessoas tatuadas seriam pessoas criminosas.



Houve tempos na Coreia onde as pessoas que tinham tatuagens não eram autorizadas a utilizar banhos públicos ou piscinas, essa restrição não existe mais, porém isso não significa que essa relação tenha melhorado. Não existe proibição quanto a fazer uma tatuagem, mas para encontrar um tatuador “legal” pode ser tão difícil que talvez você desista de se tatuar.


Isso ocorre porque para você ser um tatuador reconhecido pela lei na Coreia do Sul, você deve ter uma licença médica, já que o ato de fazer uma tatuagem é considerado como um procedimento invasivo. Então, pode se imaginar que poucas pessoas graduadas em medicina vão escolher seguir o ramo das tatuagens, esse fato pode ter sido um dos ocasionadores de um grande número de tatuadores ilegais no país, segundo fontes governamentais há 20 mil tatuadores clandestinos na Coreia do Sul, estas pessoas devem ser grandes amantes dessa arte para seguirem a profissão, pois se forem pegos podem receber multas altas e até serem presos.


Os idols por si só já sofrem na tentativa de passar a imagem de um “visual perfeito”, então, as tatuagens para muito deles é extremamente proibidas, principalmente se são novos na indústria. Porém, mesmo com as restrições as tatuagens tem se popularizado entre eles, idols como Hyuna, Hyorin, Jungkook (BTS) entre vários outros já foram vistos exibindo as artes em sua pele.



Quando idols como esses, vão a televisão seja em programas de entreterimento ou em music shows, se já não estou usando um adesivo que tampe a tattoo, a mesma pode ser coberta ou até mesmo borrada para que não seja exibida.


O preconceito com pessoas tatuadas é ainda maior quando se é mulher. A sociedade coreana segue o pensamento de que tatuagens destroem a suposta pureza física e simbólica que é reverenciada tradicionalmente nas mulheres coreanas, uma mulher coreana tatuada é acusada de desrespeitar à sua própria cultura.



Apesar de todas as adversidades que a tatuagem pode trazer a vida do coreano, pode se afirmar que o mercado de tatuagens está bem maior do que já foi no país, com a influência de culturas exteriores a ideia de que a tatuagem pode ser apenas uma forma de se expressar vem sendo disseminada, mas ainda há muito que enfrentar para que a arte seja vista com bons olhos por toda a sociedade.

2.376 visualizações1 comentário

1 Comment


Maria Vitória
Maria Vitória
Jul 15, 2021

Que triste isso, espero que melhore com o tempo, as tatuagens são uma arte tão linda e tão expressiva. Coreia entenda que é só UMA FORMA DE ARTE!

Like
bottom of page