top of page
  • Foto do escritorK-Pop News

ONU pede esforços contínuos pela igualdade de gênero na Coreia do Sul


Apesar dos avanços significativos na promoção da igualdade de gênero na Coreia do Sul ao longo das últimas décadas, a diretora da ONU Mulheres Excelência para a Igualdade de Gênero em Seul, Lee Jeong-shim, destaca que ainda há desafios persistentes a serem enfrentados. Lee enfatizou a importância de esforços específicos e contínuos para alcançar a igualdade de gênero, especialmente em termos de representação política e participação das mulheres na tomada de decisões.


Segundo um relatório da ONU de 2023 sobre o índice de igualdade de gênero, embora a Coreia do Sul esteja acima da média global em garantir necessidades básicas como saúde e educação para as mulheres, ainda há uma lacuna significativa em termos de representação feminina na política e no mundo corporativo. Apenas 19,1% dos assentos na Assembleia Nacional são ocupados por mulheres, abaixo da média mundial de 26,3%, e as mulheres coreanas ocupam apenas 14,6% dos cargos de gestão nas empresas, comparado com a média global de 31,2%.


Lee ressaltou que a falta de representação feminina em posições de liderança tem um impacto direto na sociedade, afirmando que “menos mulheres em posições de liderança significa a falta de oportunidades para que as vozes das mulheres sejam ouvidas na sociedade”. Ela também expressou esperança de que a Coreia do Sul veja progresso na representação das mulheres durante as próximas eleições gerais.


Além disso, Lee abordou a importância do investimento nas mulheres, especialmente em setores que historicamente têm sido negligenciados. Ela destacou que o investimento financeiro nas mulheres continua baixo em todo o mundo e que é necessário aumentar os esforços para integrar a perspectiva de gênero em todos os aspectos da sociedade sul-coreana.


O centro da ONU Mulheres em Seul tem desempenhado um papel fundamental na promoção da igualdade de gênero na região Ásia-Pacífico, organizando diversas atividades e eventos para conscientização e capacitação das mulheres. Em um evento comemorativo no Dia Internacional da Mulher deste ano, intitulado “Investir nas Mulheres: Acelerar o Progresso”, o centro reunirá participantes dos setores público e privado para discutir formas de aumentar os investimentos nas mulheres e promover a igualdade de gênero.


Lee também destacou a importância de envolver homens na luta pela igualdade de gênero, afirmando que alcançar a igualdade de gênero beneficia ambos os gêneros. O centro da ONU Mulheres em Seul está trabalhando ativamente para envolver oradores masculinos em suas iniciativas, visando combater o equívoco de que a igualdade de gênero é um jogo de soma zero entre homens e mulheres.


Conteúdo exclusivo.

Não retirar sem dos devidos créditos!


Fontes: 1

44 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page